sábado, 16 de junho de 2018

Vitória na Taça



Acabámos a época a jogar bom futebol. A vitória na Taça foi nos penaltys mas foi mais do que justa. Merecíamos ter ganho no tempo regulamentar.
Importante este troféu? É um troféu e um troféu é sempre importante, mas, para quem já ganhou uma Taça de Portugal, sinceramente, ir para a rua festejar...pareceu-me exagerado. Fico sempre contente quando o Beira-Mar ganha, mas esta conquista não é, para mim, algo de extraordinário.
Amanhã, jogamos a Supertaça com o Lourosa em Águeda, troféu que ainda me diz menos...como é que a Supertaça não se realiza na abertura da nova época? 

quarta-feira, 6 de junho de 2018

Boa época dos Juvenis A


Os Juvenis A do nosso clube terminaram o campeonato distrital da primeira divisão com duas goleadas pelo mesmo resultado: 6-2 ao Feirense e 2-6 ao Anta. Com isto, terminou num bom sexto lugar no campeonato, com os mesmos pontos do que o Gafanha.

No computo geral, esta equipa fez um bom campeonato. Chegou a liderar durante várias jornadas, andou quase sempre nos cinco primeiros e não fosse alguma irregularidade exibicional, bem que podia ter acabado uns «furos» acima.

Individualmente, destaco o Tiago na baliza e o Portela na defesa, para além, claro, da preponderância no grupo do Rui Silva.


segunda-feira, 4 de junho de 2018

Segundo lugar e Taça de Portugal garantida


Podíamos, por diversas ocasiões, ter sentenciado o jogo e acabámos por sofrer o golo do empate já em tempo de compensação. Não fomos, portanto, além de um empate com o Alvarenga mas acabámos por ter a felicidade do S. João de Ver também ter empatado em casa. Em suma: segundo lugar no Campeonato Safina e apuramento para a Taça de Portugal. Agora vem aí a final da Taça Distrital e...esperar que o segundo lugar ainda dê «para alguma coisa»...


sexta-feira, 1 de junho de 2018

Parabéns Iniciados!


Para além dos juniores, tivemos este ano uma segunda subida de divisão na Academia de Futebol: os iniciados subiram da segunda para a primeira distrital. Para além da subida da equipa A, também a equipa B de iniciados teve um excelente comportamento numa outra série da segunda divisão distrital. 
Feito isto, em futebol de onze, teremos na próxima temporada, e sem contar com as equipas B's de cada escalão, os juniores na primeira divisão nacional e os juvenis e os iniciados na primeira distrital. Estamos longe dos tempos em que tínhamos todos os escalões nos «nacionais» mas também já estivemos bem pior. 
Parabéns a todos aqueles que contribuiram para esta boa época na Academia do nosso clube. 


Lembram-se dele? (X)



Gil! O grande Gil!
O futsal senior do SCBM acabou e Gil teve que procurar outro destino onde pudesse continuar a «espalhar» toda a qualidade do seu jogo. E foi na Adrep que agora decidiu colocar um ponto final na sua carreira.

O clube da Palhaça que me perdoe, bem como o GD Gafanha onde também jogou várias épocas, mas o Gil conheceu os seus momentos mais brilhantes no nosso clube. O Gil é o maior símbolo, enquanto jogador, da secção de futsal do SC Beira-Mar. Mais: acho que desde que saiu do clube, o SC Beira-Mar nunca lhe prestou uma mais do que justa homenagem que pudesse servir de agradecimento por tudo aquilo que fez pelo e no nosso clube. Mas ainda vai a tempo!

Gil, um grande abraço deste teu admirador de sempre. Tu sabes que é assim.

Só dependemos de nós


Vitória (1-3)  mais fácil na Vista Alegre do que estava à espera! 
Fica a faltar uma jornada para o termino do campeonato, mas temos tudo para garantir o segundo lugar. Em casa, temos mais do que equipa para ultrapassar o Alvarenga. Força equipa!




domingo, 27 de maio de 2018

sábado, 19 de maio de 2018

Juniores mereciam mais apoio


Como escrevi na semana que antecedeu o jogo, não podia falhar e lá fui a Espinho com o meu irmão e filho mais velho. A foto, do Diário de Aveiro, ilustra os beiramarenses que não ficaram em casa e quiseram marcar presença num jogo importantíssimo para o nosso clube. Juntamente com o jogo que vi da nossa equipa de basquetebol no pavilhão do Académico do Porto, este foi o jogo mais importante da época do SC Beira-Mar. E aqui é que reside alguma tristeza sentida em mim. Esperava mais gente, sinceramente, Eu ponho-me a pensar se fosse um Lourosa, por exemplo, a jogar em espinho para subir à I Divisão Nacional de juniores! O meu amigo Artur que me desculpe, mas como é possível os UAN não estarem presentes? Uma faixa, uns bombos...percebo as dificuldades, percebo que a vida não é fácil nos dias de hoje, mas sinceramente, este jogo era bem mais importante do que quase todos dos seniores.
Ainda assim, o meu aplauso para quem esteve em Espinho!


quarta-feira, 16 de maio de 2018

Em segundo

A verdade é que depois da derrota humilhante na Carregosa, «partimos» para uma série de bons resultados, incluindo o empate em Lamas (onde merecíamos ganhar) e a vitória em Avanca contra uma equipa que está a fazer um bom campeonato e que no seu estádio «fez a vida negra» às outras equipas que estão nos lugares cimeiros do campeonato.

Posto isto, e porque o Vista Alegre nos «ajudou» este fim de semana, chegámos ao segundo lugar. Esperemos que seja para manter. Nunca se sabe o que o segundo lugar pode dar...lembro apenas que o Gafanha subiu num ano em que ficou em segundo. Julgo que a nossa verdadeira final vai mesmo ser no campo do Vista Alegre.


segunda-feira, 14 de maio de 2018

Palácio à Beira-Mar


Sinceramente não percebo as criticas que li na internet à reportagem que a Sport TV produziu e transmitiu sobre o SC Beira-Mar. Acho incrível como é que um canal nacional com a expressão da Sport TV se lembra do nosso clube duas vezes num curto espaço de tempo e há adeptos que se insurgem com isso! 
As reportagens da Sport TV são excelentes e esta não foge à regra! O conteúdo? É da responsabilidade do canal, claro. Mas a inteção foi perceptível: dar voz aqueles que estão hoje no Beira-Mar mas que no passado representaram o clube quando ele jogava entre os «grandes» do nosso futebol. Qual é o mal? Eu gostei de ver o fervor clubistico que o Laranjeira, o Pedro Moreira e o Artur revelaram! Gostei porque as suas histórias são realmente incríveis. Pela dedicação. Pelo amor ao clube. Pelo exemplo que eu gostava de ver em milhares de aveirenses. 
Repito: importante a destacar é sermos lembrados pela Sport TV. Continuamos a ser lembrados. Mau, era isso não a acontecer.